Infelizmente o abandono a animais é uma triste realidade das nossas cidades brasileiras. Coroatá não é diferente. Com a ideia de aumentar a conscientização sobre o assunto, um grupo de jovens vem colocando em prática uma ideia simples, mas relevante. A rotina agitada não pode ser uma desculpa para ignorarmos os animais abandonados.

Esse é um vídeo que realmente merece ser compartilhado com todos, para que possamos melhorar nossa consciência sobre os animais que vemos nas ruas, muitas vezes nem os percebemos em nossa correria do dia a dia. 


Vamos iniciar uma nova coluna aqui no Coroatá Online na próxima sexta-feira (24/10), com assuntos voltados para as mulheres. A coluna chama-se “Beleza sem frescuras com Débora Gomes”. Débora (foto) é nossa nova colaboradora e certamente vai trazer algumas novidades para vocês mulheres, principalmente para as coroataenses. Veja o que Débora Gomes fala sobre esse novo desafio:

Olá! Meu nome é Débora, tenho 25 anos, e venho fazer parte do Coroatá online.
Primeiramente agradeço o convite de fazer parte deste conceituado site, inicialmente com uma coluna semanal, e a partir dos resultados e da necessidade de mais postagens, quem sabe não seja uma coluna diária! Hein!

Quem já me conhece, sabe que gosto de assuntos relacionados à beleza, moda, cuidados pessoais, e vídeos legais do Youtube, e futuramente também espero fazer uns vídeos para compartilhar com vocês. Poderemos também abranger assuntos diversos, mas que não fujam desses interesses!

Gostaria de pedir a colaboração de todos, para melhorar a cada dia, e também com dicas sobre assuntos que gostaria de encontrar aqui. Afinal o Coroatá Online já é referência em notícias e conto com vocês para que seja também referência em assuntos de beleza!

Um beijo e sejam bem vindos!
Fernanda Ribeiro, 13 anos, representou muito bem Coroatá, sua terra natal, no concurso que escolheu a Miss Maranhão Juvenil 2014. Entre as 27 candidatas, a coroataense ficou em 4º lugar e ainda foi escolhida a Garota Fotogenia.

O concurso teve início na noite de ontem, sábado (18/10), Teatro João do Vale, em São Luís.

Em instantes mais detalhes sobre a grande campeã do Miss Maranhão Juvenil 2014. Aguardem.

Dos 513 deputados federais eleitos no dia 5 de outubro, 51 são mulheres, o que significa um aumento de 8,51% na bancada feminina da Câmara dos Deputados para a próxima legislatura, a se iniciar em fevereiro. Atualmente, 47 mulheres estão no exercício do mandato, mas duas eram suplentes e assumiram as vagas de titulares homens. Se a base de comparação for a bancada titular eleita (45 mulheres) em 2010, o percentual sobe para 13,33%.

Apesar do crescimento, o total de deputadas eleitas representa menos de 10% da composição da Câmara dos Deputados. Ou seja, a relação é de menos de uma mulher para cada dez deputados homens eleitos.

Entretanto, o número de candidatas que disputaram o cargo de deputada federal neste ano deu um salto expressivo, chegando a 1.765, contra 935 em 2010, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O aumento foi de 88,77%.

Os estados de Alagoas, Espírito Santo, Mato Grosso, Paraíba e Sergipe não tiveram nenhuma mulher eleita deputada federal. Já os estados do Amapá e Tocantins foram os que apresentaram as maiores porcentagens de mulheres eleitas do país, ambos com 38%. (O Imparcial).
O curso preparatório pré-vestibular, conhecido nesta gestão por “Intensivão Municipal”, realizou uma importante oficina na manhã deste sábado (18/10), no Auditório do Complexo Educacional. O evento, denominado “Grande Esquenta Para o ENEM 2014”, contou com a participação da pedagoga e palestrante, professora Teresa Cristina, que é da empresa “Qualis”, responsável por dar assistência ao cursinho pré-vestibular.

Todos os alunos da segunda e terceira séries do Ensino Médio foram convidados para a oficina, não apenas os estudantes do preparatório. A ideia do encontro com os jovens coroataenses foi ajuda-los a encontrar um caminho para motivar, acreditar e lutar por seus objetivos.

Teresa Cristina disse à redação do Coroatá Online que é normal os jovens apresentarem um ‘desequilíbrio’ de foco nesta fase, mas destacou que a força de vontade, dedicação e a disciplina pode ajudar a qualquer um a chegar onde pretende. Segundo ela, é preciso de sacrifício, dar prioridade ao que é mais necessário.

“Nessa reta final eles tem sempre essa insegurança se vão conseguir ou não, se estudaram o suficiente, se estão realmente preparados, e quando a gente vem, agente mostra exemplos de que você é capaz, você pode, quando você quer e aprende a deixar algumas coisas. Como eu falei aqui na palestra, o que é bom a curto prazo, ao longo prazo é ruim. Então se eles tomarem essa consciência, se deixarem um pouquinho de curtir essa vida que muitos fazem, porque tá na idade, mas que a médio a longo prazo ele vão usufruir. Então a importância vital é essa, de saberem que eles realmente não são inferiores e nem menos preparados que ninguém, vai depender apenas deles, como eu disse, eles precisão de apenas uma vaga e tem milhares”, concluiu a pedagoga. 

ALGUMAS IMAGENS DO EVENTO: 






     








A coroataense Fernanda Ribeiro, de apenas 13 anos, é uma das 27 candidatas que disputarão neste sábado (18/10), logo mais às 17h, no Teatro João do Vale, em São Luís, o Miss Maranhão Juvenil 2014.

Com 1.68 de altura, distribuídos em 54 kg, Fernanda, que atualmente mora e estuda na capital maranhense, recebeu um convite para participar do concurso e aceitou o desafio. Ela disse à nossa redação que está aproveitando cada momento e ressaltou que o resultado final é apenas um detalhe, mas que espera estar no topo desse detalhe.

“É um momento muito legal para mim. Me sinto feliz por estar entre as escolhidas. Vou dar o meu máximo e vamos ver o que vai acontecer no final. Tenho certeza que toda a galera de Coroatá vai torcer por mim. De qualquer forma já me sinto vitoriosa. Queria agradecer a minha mãe e a todos os amigos que me desejaram sorte. A hora é essa, que seja escolhida a melhor”, disse.


Hoje é sábado (18/10), hora de conferir as principais notícias que foram destaque nesta semana, no Coroatá Online. Entre as mais acessadas está o mistério sobre um homem encontrado morto no bairro da União e também o problema de saúde da prefeita de Coroatá Teresa Murad, que pegou todos de surpresa. Ela foi internada no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Confira esses e outros destaques nos links logo abaixo:



 Homem é encontrado morto no bairro da União
 Prefeita Teresa Murad é internada no Hospital Sírio-Libanês
 É falso o boato de grave acidente na estrada de Timbiras; entenda


 Codó: após tomar moto de assalto, homem morre em acidente
 Oposição de Coroatá realiza 'Arrastão da vitória do 65'; fotos!
 Com a mudança no Governo, Tenente Maiko volta para Coroatá?


 Coroatá convive com uma ‘Epidemia de Assaltos’; entenda!
 Polícia dá resposta rápida sobre assaltos a motos em Coroatá
 Mais uma panificadora é assaltada em Coroatá; confira!
Durante a última sessão na Câmara Municipal de Coroatá, realizada na quinta-feira (16/10), o vereador Diôgo (PT) fez um memorável discurso em defesa da candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) e foi muito elogiado por colegas parlamentares, tanto da oposição quanto da situação.

LEIA O DISCURSO NA “INTEGRA” FEITO POR DIOGO:

“No 1º domingo deste mês nós tivemos um fato histórico no Maranhão que foi a eleição do governador Flávio Dino, que foi eleito com quase 2 milhões de votos, que teve 2/3, aproximadamente, dos maranhenses aprovando o seu nome e as suas propostas. Que teve 881 mil votos de diferença sobre o seu adversário, o senador Lobão Filho. Nós, como disse o próprio senador Lobão Filho, viramos uma página da história, encerramos um ciclo, esta era maranhense, denominada por muitos como era do Sarney, acabou. Eu não estou dizendo que o Sarney não volte a eleger governador, senador, deputados, eu não estou dizendo isso, estou dizendo que o poder que até outubro tinha vencido quase todas as eleições, ele encontra-se saturado, e como disse o ex-candidato do governo: um ciclo encerra-se e inicia-se outro ciclo. Não estou dizendo com isso que daqui para frente o grupo que eu faço parte e que elegeu Flávio Dino, vai eleger consecutivamente todos os governadores. Nós estamos falando de uma coisa maior do que a disputa de vizinhos, nós estamos falando de política, que é a arte quer o ser humano aplicar em sua vida para confrontar ideias, pensamentos e buscar aquilo que atenda a maioria. As vezes não é nem o melhor. Eu posso até afirmar que muitas vezes a maioria não é o melhor, não é o caso do governador Flávio Dino, que ainda não administrou, ele precisa administrar para podermos afirmar e certamente afirmaremos que ele será um dos melhores, ou o melhor governador do Maranhão. Acredito que até mesmo aqueles que não votaram nele estão torcendo por isso, uns de forma sincera, outros só dos dentes para fora. Como diz Flávio Dino: “O Maranhão vai sair das páginas policiais”.

Agora eu gostaria de entrar no núcleo da minha fala. Nós estamos vivendo no Brasil a disputa de dois poderes ideológico, de poderes de administração, de tratamento do ser humano, essa disputa da presidente Dilma Rousseff, pelo Partido dos Trabalhadores, contra o senador Aécio Neves, do PSDB. Eu gostaria, que nós prestemos bastante atenção os rumos que nós vamos dar para este país. Eu costumo dizer que quando você vai fazer uma viagem à noite, você vai guiado, naturalmente, pelo farol do seu carro ou da sua moto, ou ainda uma lanterna, caso ande de bicicleta, ou mesmo a pé. O farol orienta por onde você vai andar. Da mesma forma acontece com os governos. Eles tem um farol ou a lanterna que guiam por onde eles querem andar. E aqui eu entro na comparação dos modelos que estão em debate. Nós temos o modelo da social democracia, da flexibilização das leis trabalhista, do crescimento salarial, da terceirização, um modelo do cambio forte em detrimento do trabalhador. Durante o governo de Fernando Henrique, o Brasil quebrou. A cada espirro que a economia internacional dava o Brasil ficava com pneumonia. Nós acompanhamos nos últimos anos a maior crise depois da crise de 1915, a maior crise internacional da economia, e o Brasil ofertou recursos aos Estados Unidos. O Brasil criou o Fundo de Soberania Nacional, é como se um trabalhador que ganha um salário mínimo guardasse todo ano R$ 50,00 para na hora do aperto ele ter um dinheiro para comprar um remédio, pra fazer uma viagem, pra comprar algo que fosse necessário. O Brasil guardou e agora na hora da crise a presidente Dilma teve bilhões de reais guardados pra colocar na economia. Os Estados Unidos não, eles quebraram o banco, foram ao Banco Mundial, fizeram tudo, além de um desemprego terrível. E nós temos um governo que o Partido dos Trabalhadores e seus aliados, que ao longo destes anos, realizamos programas sociais importantíssimos nesse país. Eu vou citar o que mais me enche os olhos, o programa luz para todos. Em 10 anos o governo de Lula e Dilma, que era a Ministra de Minas e Energia, foi quem concedeu o plano do programa Luz para Todos. Aqui em Coroatá os Povoados foram contemplados de forma brilhante, assim como milhares de coroataenses, que passaram a ter energia. Com isso melhorou-se a qualidade de vida dos maranhenses. O Brasil passou a ter quase 20 milhões de pessoas no mercado consumidor, desses, aproximadamente 14 milhões compraram geladeiras, televisão.

O valor do trabalhismo, o valor do presidente Lula e da presidente Dilma apontou para esse povo que vivia nas trevas, literalmente falando, que não tinha luz elétrica em suas casas. Nós teremos a oportunidade de mantermos esses avanços e avançarmos mais ainda, ou teremos o governo dos sociais democratas que levavam a energia lá para a fazenda, deixando o lavrador ver apenas os fios passarem por cima da sua casa.

Temos também o “Minha Casa Minha Vida”, onde foram construídas 3 milhões e 700 mil casas e estas casas atenderam milhões de brasileiros. Dados do Ministério das Cidades afirmam que 32% das casas existentes no Brasil, hoje, foram construídas pelo “Minha Casa Minha Vida”. Isso faz com que a cada dia possamos ter a certeza que o farol que deve iluminar o povo deve ser aquele que olha para o lado dos menores. Frase do ex-presidente Lula: “Os ricos tem como resolver seus problemas”. Se eles adoecem eles tem como resolverem, como é o exemplo da prefeita Teresa Murad, que rapidamente foi para o Sírio-Libanês em São Paulo. Infelizmente entre as classes estarão as diferenças.

Também podemos falar do PROUNI, este programa que colocou à disposição dos brasileiros a oportunidade do filho do pobre, do filho do rico, igualzinho. Por que existe uma hipocrisia, podemos dizer que os filhos dos pobres não tinham oportunidade. Um exemplo até mesmo da elite, o ex-presidente Fernando Henrique disse que o Bolsa Família do Luca era o Bolsa Miséria, na última campanha alguém disse é o Bolsa Preguiça, mas eu quero dizer pra vocês, sabe qual é o Bolsa Preguiça? É a Universidade Federal, quase todas elas. Porque quem passa nas Universidades Federais, 90%, são os filhos dos ricos, porque a educação do Brasil é fraca. Eles tem a oportunidade de se prepararem nos melhores cursinhos e o mais grave é que depois de se formarem eles vão para fora do Brasil fazer graduação, mestrado e lá eles ficam, ou quando voltam para o Brasil eles querem ficar só em São Paulo, Rio de Janeiro, não vem para o nordeste. Daí, o Programa “Mais Médicos”, que é aprovada pelo povo e rejeitado pelas elites. Sabe-se que esse programa foi colocado para os brasileiros, mas eles recusarão de ir para a Amazônia, ou cidades pequenas no nordeste, por exemplo, então contrata-se mão de obra qualificada onde tem.

Se analisar também, o governo do PT foi o que deu a maior valorização do salário mínimo. Hoje o povo brasileiro tem um salário mínimo que ainda não é o necessário para manutenção de três pessoas, mas é um dos melhores salários mínimos da história deste país, mas a social democracia que aprovaram a receita que não serve para eles, é como alguém que sobe no prédio e derruba a escola. Então a receita que é dada pelos Estados Unidos, Inglaterra, pelo FMI é uma receita que afunda os países. A Coreia não obedeceu os mandamentos do FMI, vocês sabem como a Coreia do Sul está, desenvolvida, um povo educado, informado, nós transportamos toneladas de ferro para lá e eles mandam caixotes de chips e paga aquela tonelada e ainda sobra muito dinheiro. Isso é conhecimento, agregação de valor, porque deu importância na educação e nós temos a convicção de que a valorização do salário, a educação com o ProUni, Pronatec, a inclusão social, tudo isso precisa ser mantido. Se nós olharmos a questão do serviço público, eu tenho 27 anos que sou servidor público, desses 27 anos eu passei 15 anos ouvindo todo janeiro, quando o governo anunciava as metas para aquele ano, demissão de tantos funcionários, o governo de Itamar, Collor, Sarney, tudo demitia, o presidente Lula assumiu, acabou essa história. Nunca mais um presidente veio a público ameaçar os servidores de demissão, porque o FMI dizia para diminuir a quantidade de servidores públicos, aumenta a mão de obra iniciativa privada. Eu fiz uma anotação rápida que diz assim: no governo do Lula de 2003 e no governo da Dilma até 2014 foram admitidos por concurso público quase 250 mil servidores públicos. E nos 8 anos do governo de Fernando Henrique foram admitidos 51 mil, porque a receita era apertar, diminuir o Estado para favorecer os empresários, diminuir a força dos Estados privatizando. Eu tenho aqui uma rápida comparação alguns número sobre os governos. Professores universitários contratados por Fernando Henrique durante os 8 anos de governo dele: 13 mil. Contratados pelo governo do PT, 128 mil. Médicos e técnicos do INSS, Fernando Henrique não contratou nenhum, pelo contrário, apresentou um plano de demissão voluntária e aposentadoria; 15 mil foram contratados por concurso público pelo PT. Policiais Federais, Fernando Henrique, 2.500; Lula, 5.300. Pessoal de Ciência e Tecnologia, olha a importância desse país que se preocupa com seu crescimento tecnológico, Fernando Henrique, 1.900 servidores; o governo Lula e Dilma, 8.500. Então são diferenças abissais, diferenças que não dá nem para imaginar. Isso que estou dizendo não é para lhe convencer apenas com a história da mudança, a história do oba-oba, precisamos de números, quem quiser comparar, qualquer coisa desse mundo pode ser relativa, mas números não tem relatividade, matemática é exata. Veja só, geração de empregos formais: Fernando Henrique – 5 milhões; Lula – 14 milhões e meio. Total de empregos: Fernando Henrique – 28 milhões; Lula – 39 milhões e meio. Taxa de desemprego nas regiões metropolitanas: Fernando Henrique – 11,7% em 2002 e Lula 8,1% em 2009. Bolsa Família: Fernando Henrique – 1,6 milhões; Lula – 10 milhões e meio. Total de recuperação de créditos. Diante da minha fala só me resta dizer que nós queremos, esse nos levará ao nosso destino."
Durante o pronunciamento no grande expediente o vereador Cássio Reis (PSDB) defendeu a candidatura do seu correligionário Aécio Neves a presidência da República e o novo modelo governista proposto pelo candidato a ser implantado se for eleito, conforme garantiu.

"O país inteiro sofre com o PT, mas especialmente os maranhenses onde tirou o sonho de muitos ao prometer a refinaria para beneficiar a reeleição de Roseana Sarney em 2010", declarou. O vereador reafirmou ainda que os parlamentares petistas teriam votados contra os programas sociais durante o governo de Fernando Henrique e que agora não reconhecem que estes foram criados no governo do PSDB.

"O povo nordestino e maranhense não pode ficar refém do bolsa família, mas o candidato Aécio Neves reafirma a continuidades e ampliação dos programas de transferência de renda mantido no governo dos petistas", afirmou.

Ainda segundo o vereador tucano após doze anos de governo petista não é possível encontrar no Maranhão nenhum projeto econômico para o estado. "O que vemos é o partido perdido em um mar de lama”, disparou.

Durante o discurso Cássio Reis afirmou que “no Maranhão só existe a sigla, pois é comandada pelo PMDB de Roseana Sarney, votar na Dilma é contemplar os Sarneys para repetir o governo paralelo, o que atrapalharia muito o nosso governador Flávio Dino”.

“Quem vota em Dilma estará votando nos Sarney e finalizo convocando todos os coroataenses que fizeram a mudança do Maranhão com Flávio Dino que complete a mudança com Aécio Neves”, finalizou.

Do COROATÁ DE VERDADE
O advogado Rodrigo Lago será o secretário de Transparência e Controle, pasta a ser criada na gestão de Flávio Dino. Esta secretaria será responsável pelo controle interno da administração, acompanhando os contratos, apurando denúncias e fiscalizando a correta aplicação das verbas públicas.

Esta foi uma das principais bandeiras da campanha de Flávio Dino, eleito governador em primeiro turno. A Secretaria será criada sem que seja adicionado nenhum novo cargo comissionado, apenas com remanejamento de cargos já existentes.

Estarão integradas à Secretaria a Corregedoria Geral do Estado e a Controladoria Geral do Estado, visando fazer um governo transparente, honesto e republicano.

O anúncio foi feito por Flávio Dino nesta sexta (17) pelas redes sociais. Conheça o perfil do secretário.

RODRIGO LAGO – SECRETARIA DE TRANSPARÊNCIA E CONTROLE

Com destacada atuação em Direito Constitucional, Rodrigo Lago é advogado há 12 anos. Estudou Direito Constitucional no Instituto Brasiliense de Direito Público – IDP.

É Conselheiro Federal suplente da OAB (2013-2015) e consultor da Comissão Nacional de Estudos Constitucionais da OAB. Faz parte também do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB).

No Maranhão, é diretor-geral da Escola Superior de Advocacia do Maranhão – ESA-OAB/MA (2013-2015), fez parte do Conselho Estadual da OAB como presidente da Comissão de Estudos Constitucionais da OAB/MA (2010-2012). Foi também membro de bancas examinadoras de concursos para a Magistratura e Ministério Público.
A deputada reeleita para o quarto mandato consecutivo, Graça Paz (PSL), em mensagem para o Coroatá Online, agradece ao povo de Coroatá pelos votos recebidos na última eleição:

"Quero agradecer mais uma vez a essa parcela significativa da população de Coroatá que nos escolheu dentre tantos candidatos para nos honrar com o seu voto, votos esses que foram importantes para a renovação do nosso mandato.

Com o novo mandato, renova-se as forças e a disposição para lutar pelo Maranhão e mais especificamente por esta cidade que tanto precisa do nosso olhar.

Agradeço de coração cada voto recebido, porque sei que com ele vem a esperança de dias melhores. Agradeço as lideranças que abraçaram com entusiasmo a nossa campanha e farei de tudo para honrar cada compromisso firmado entre mim e os coroataenses.

Como deputada, levarei ao governador as demandas do nosso povo, para que juntos possamos melhorar a qualidade de vida daqueles que mais precisam. Muito obrigado a todos e a todas e contem comigo.

Um forte abraço e eterna gratidão".
Graça Paz
O debate entre os dois candidatos à Presidência da República, realizado nesta quinta-feira (16/10) e transmitido em parceria entre UOL, rádio Jovem Pan e SBT, colocou novamente os candidatos à Presidência da República Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) em estúdio para discutir seus programas eleitorais.